sexta-feira, 7 de março de 2014

Lusitano cedeu os primeiros pontos na 2ª Fase

O Lusitano Ginásio Clube deslocou-se esta tarde a Arraiolos para defrontar a equipa local, o Arraiolense, em jogo a contar para a segunda jornada da Série de Ascensão da Divisão de Honra. Recordamos que na primeira jornada desta competição o Lusitano tinha vencido em casa o Escouralense (2-1) e o Arraiolense tinha perdido frente ao Luso Morense (1-0).

De realçar o muito público presente no Estádio Municipal Cunha Rivara e os muitos adeptos que se deslocaram de Évora para assistir a este encontro apoiando desta forma o Lusitano e demonstrando inequivocamente que estão com a equipa.

O jogo teve duas partes distintas, na primeira o Lusitano foi mais dominador aproveitando também o facto de estar a jogar a favor do vento forte que se fazia sentir no estádio. O primeiro sinal de perigo foi protagonizado por João Aldeano que na cobrança de um canto direto levou a bola a razar o poste da baliza de Flávio. Aos 20' um jogador do Lusitano realiza um cruzamento para dentro da pequena área do Arraiolense, cruzamento esse que foi cortado com a mão pelo defesa da equipa da casa Rui Martins,dando lugar a uma grande penalidade que não deixou dúvidas aos espectadores presentes no estádio. O árbitro do jogo Nélson Dias apontou para a marca de grande penalidade e David Faianco não desperdiçou a oportunidade para fazer funcionar o marcador. Resultado justo até ao momento pois o Lusitano conseguiu estava a conseguir traduzir em golos o dominio que era visível em campo. 

Nos últimos quinze minutos da primeira parte o Arraiolense equilíbrou o jogo e chegou mais vezes à área do Lusitano. A maior oportunidade do Arraiolense chegar ao empate ocorreu aos 42' na cobrança de um livre direto por Nelsón Batista que José Ferro defendeu com muita dificuldade chegando a bola a embater na trave da baliza. Estávamos no melhor período da equipa da casa que equilibrou o jogo mas só dispôs de uma oportunidade de golo flagrante.

A segunda parte seguiu o tom dos minutos finais da primeira parte e o jogo foi jogado muito a meio-campo, muito físico, por vezes muito mal jogado e sem grandes oportunidades de golo.

Após 20' sem a bola chegar perto de qualquer das balizas com relativo perigo, João Romeiras conseguiu empatar o jogo aos 64' após cabecear com sucesso uma bola resultante de um canto marcado por Rui Roque. Estava feito o empate no Estádio Municipal Cunha Rivara e podemos dizer que seria o resultado justo nesse momento pois o jogo estava muito equilibrado. 

Aos 80' Dário teve uma oportunidade para colocar o marcador a favor do Lusitano ao entrar com a bola controlada dentro da área do Arraiolense mas não conseguiu desembaraçar-se dos defesas contrários que o circundavam. Aos 89' o árbitro Nélson Dias assinalou um fora-de-jogo inexistente a Elizito, que entretanto tinha realizado a sua estreia pela equipa do Lusitano. Quem estava fora-de-jogo era Miguel Rosado e não Elizito que tinha partido de posição legal.

Mesmo assim podemos dizer que foi um resultado justo por tudo aquilo que se viu em campo. A equipa de arbitragem não esteve nos seus dias.





Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares

Direitos de Autor

APESAR DE TEREM SIDO FEITOS TODOS OS ESFORÇOS NO SENTIDO DE NÃO VIOLAR OS DIREITOS DOS DETENTORES DOS DIREITOS DE AUTOR DOS DOCUMENTOS CONSTANTES NESTE BLOGUE, PODEM TER SIDO COMETIDOS ERROS POR DESCONHECIMENTO. QUEM SE IDENTIFICAR COMO DETENTOR DOS DIREITOS DE AUTOR DE DOCUMENTOS AQUI REPRODUZIDOS E CASO SE OPONHA À SUA CONTINUAÇÃO ON-LINE, SOLICITA-SE QUE CONTACTE O ADMINISTRADOR DO BLOGUE PELO E-MAIL DE CONTACTO PELOSIROS.NA.NET@GMAIL.COM E ESSES DOCUMENTOS SERÃO IMEDIATAMENTE RETIRADOS DO BLOGUE.

Recomendamos