domingo, 17 de novembro de 2013

"Dia não" da equipa de arbitragem retira dois pontos ao Lusitano


O Lusitano Ginásio Clube recebeu este sábado o Borbense no Campo Estrela em jogo antecipado da 7º Jornada do Campeonato Distrital da Divisão de Honra. Esperava-se que o Lusitano continuasse na senda dos bons resultados obtidos nas jornadas anteriores, mas tal não veio a suceder, perdendo mais dois pontos na condição de visitado.
O jogo iniciou-se com pouco público presente nas bancadas do Campo Estrela, talvez devido à realização de mais algumas actividades culturais na cidade à mesma hora ou talvez à realização do derby de juniores Lusitano/Juventude na Herdade da Silveirinha exactamente à mesma hora que jogava a equipa sénior.
O Lusitano entrou no jogo disposto a marcar o primeiro golo o mais cedo possível e só não marcou no primeiro minuto de jogo por mera infelicidade, Miguel Rosado isolou-se e sozinho frente ao guarda-redes contrário enviou a bola a razar o poste da baliza contrária. Estava feito o primeiro aviso ...
Durante a primeira meia hora o Lusitano teve sempre um ligeiro ascendente sobre o  adversário, teve sempre a iniciativa do jogo mas não criou oportunidades de golo evidentes. O mais perigoso foi um remate de Fábio Potes aos 22' que saiu muito perto da baliza. No último quarto de hora o Borbense equilibrou o jogo e dispôs de alguns lances de perigo mas sem os conseguir concretizar com sucesso. O empate 0-0 aceitava-se no final da primeira parte.
Na segunda parte o filme foi o mesmo, o Lusitano iniciou o jogo ao ataque e Fábio Potes desperdiçou mais uma oportunidade de golo aos 52' que só não resultou em golo devido à defesa do guarda-redes contrário.
Aos 63' o Lusitano consegue adiantar-se no marcador. Cruzamento do lado direito do ataque do Lusitano para o lado esquerdo onde aparece um jogador do Lusitano a centrar em cima da linha de fundo novamente para a pequena área onde se encontra João Nobre a empurrar a bola para dentro da baliza. Estava feito o 1-0. Após a validação do golo ocorreram grandes protestos por parte dos jogadores e equipa técnica do Borbense, pois alegaram que o segundo cruzamento ocorreu depois da bola já ter ultrapassado a linha de fundo. Nesta "reclamação" foram amarelados dois jogadores da equipa visitante. 
A partir do momento em que o Lusitano se encontrou em vantagem foram raros os lances de perigo para a baliza do Borbense, pelo contrário, foi o Borbense que não baixou os braços e tentou a todo o custo chegar ao empate. Neste momento foi o guarda-redes José Ferro que evitou que o Borbense empatasse como por exemplo aos 65' na realização de uma execelente defesa. 
Aos 78' o árbitro prejudicou seriamente o Lusitano quando assinalou fora de jogo a dois jogadores que corriam isolados para a baliza mas que estavam em jogo, quem estava fora-de-jogo era um terceiro jogador que não se fez ao lance. Falha grave da equipa de arbitragem, com o Lusitano a sair muito lesado deste lance.
Aos 83' nova confusão causada pela equipa de arbitragem. O árbitro dá ordem para a realização de uma substituição no Borbense, saindo o jogador nº3, mas reinicia o jogo sem dar ordem para que o jogador que iria entra, o jogador nº17 entre em campo. Resumindo, o Borbense joga 1 ou 2 minutos com menos um jogador, com o banco da equiopa visitante todo a protestar contra a equipa de arbitragem.   
Nos últimos minutos o Lusitano dispôs de duas grandes oportunidades de golo, aos 84' por Bruno Nacimento e aos 93' por David Faianco mas não conseguiu marcar o segundo golo. Pelo contrário, o Borbense não desistiu e o Lusitano via-se que estava com dificuldade em segurar o resultado. Nelson Valente realizou duas substituições nos últimos cinco minutos, alguns jogadores do Lusitano levaram cartão amarelo "a pedido" por clara perda de tempo. Mas nada disso resultou e aos 96' o Borbense marcou o golo do empate. 
Não sabemos quantos minutos de desconto o árbitro deu, porque mostrou a placa com os minutos de compensação apenas para dentro do relvado "esquecendo-se" do público, mas deu tempo de compensação a mais de certeza.
Como resultado do golo do Borbense, os jogadores e equipa técnica invadiram o campo e foram festejar com os colegas que estavam em campo. Nesse "festejo" alguns jogadores do banco do Borbense aproximaram-se de alguns jogadores do Lusitano provocando-os com insultos. Neste "bate boca" alguns jogadores do banco do Borbense foram, admoestados com o cartão amarelo. 
De seguida terminou o jogo com grandes protestos contra a equipa de arbitragem à medida que entrava no túnel de acesso aos balneários.
O Lusitano empatou em casa nesta jornada devido a um "dia não" da equipa de arbitragem que mostrou 10!! cartões amarelos, na primeira vez que Nelson Valente abriu a boca foi logo avisado (com direito a interrupção de jogo) pelo árbitro que à próxima seria expulso, e o árbitro assistente do lado da bancada que assinalou vários foras de jogo de uma forma errada, ainda  falava ?? com Nelson Valente de uma forma que não considero a correcta. A certa altura, no final do jogo, voltou-se para Nelson Valente e disse "Agora já não gostas..", não sei ao que se referia mas não é normal o árbitro assistente comentar lances do jogo com o treinador, penso que estão lá para apitar e não comentar ...  
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares

Direitos de Autor

APESAR DE TEREM SIDO FEITOS TODOS OS ESFORÇOS NO SENTIDO DE NÃO VIOLAR OS DIREITOS DOS DETENTORES DOS DIREITOS DE AUTOR DOS DOCUMENTOS CONSTANTES NESTE BLOGUE, PODEM TER SIDO COMETIDOS ERROS POR DESCONHECIMENTO. QUEM SE IDENTIFICAR COMO DETENTOR DOS DIREITOS DE AUTOR DE DOCUMENTOS AQUI REPRODUZIDOS E CASO SE OPONHA À SUA CONTINUAÇÃO ON-LINE, SOLICITA-SE QUE CONTACTE O ADMINISTRADOR DO BLOGUE PELO E-MAIL DE CONTACTO PELOSIROS.NA.NET@GMAIL.COM E ESSES DOCUMENTOS SERÃO IMEDIATAMENTE RETIRADOS DO BLOGUE.

Recomendamos